Empreendedores de Parelheiros profissionalizam negócios com programa de gestão

0
156

Parelheiros está a 35 quilômetros em linha reta do marco zero no centro de São Paulo, na Praça da Sé. Localizado no extremo sul da Capital, é o maior dos 32 distritos da cidade em território e também o menos populoso. O distanciamento geográfico deixa a região com cara de cidade do interior. As áreas agrícolas do entorno e a circulação de carroças e cavalos ajudam a reforçar o clima rural.

Mas o distrito também possui uma considerável atividade comercial e de serviços, seja como parte da rota ecoturística, já que é uma área de trilhas e cachoeiras, seja no centro do bairro de 140 mil habitantes. Por estarem tão distantes do coração da metrópole, os empresários da região acabavam ficando fora do radar, como em um mercado à parte. Vocações locais, como o turismo e a produção de orgânicos, não eram trabalhadas em todo o seu potencial.

A realidade de um grupo de empreendedores de Parelheiros, porém, começou a mudar a partir de uma iniciativa do Escritório Regional Capital Sul do Sebrae-SP, que iniciou em agosto de 2019 um projeto multissetorial focado no desenvolvimento local com as pequenas empresas do distrito. Um levantamento feito com os empreendedores locais apontou que muitos ainda tinham dificuldades em relação à administração e ao planejamento das atividades empresariais.

O Restaurante da Marlene foi uma das 17 empresas participantes do projeto do Sebrae-SP na região. Foi lá que funcionou, também, a sala de aula para os módulos teóricos do projeto – uma vez que a distância para o escritório do Sebrae-SP, em Santo Amaro, inviabilizaria a participação de muitos empreendedores da região.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui