Banco Inter se prepara para a Black Friday

Foto/Reprodução

0
734

Black Friday – De olho na hiperconveniência buscada pelos consumidores na Black Friday, que querem uma experiência dinâmica em qualquer serviço online, o CEO do Banco Inter, João Vitor Menin, falou em evento do Google (08/10) sobre a expectativas para o lançamento do super app, que ocorre nos próximos dias. A novidade, que embarca soluções não financeiras no app da conta digital, será disponibilizada para mais de 3 milhões de correntistas.

 

Ao lado de executivos da Netshoes, Carrefour Digital e Varese Retail, ele falou sobre as expectativas e preparativos para a data mais importante do varejo mundial. “Nossa expectativa é alta para esta edição da Black Friday, que será nossa primeira com o super app. Nós temos a eficiência de chegar diretamente até o consumidor, viabilizar a venda e dividir a nossa remuneração com ele por meio do cashback”.

 

Além dos serviços financeiros, no super app os correntistas encontrarão uma oferta adequada às suas necessidades e alinhada a diferentes comportamentos. Com o conceito one-stop-shop, a plataforma permitirá ao usuário realizar compras diretas em lojas de departamentos, eletroeletrônicos, drogarias, turismo e outras.

 

Black Friday

De acordo com João Vitor Menin, o Banco Inter tem a ambição de fazer no Brasil um super aplicativo como aqueles que o Alibaba e o WeChat Pay fizeram na China. “Nós estamos fazendo o caminho oposto. Primeiro, nós dominamos a área de pagamentos digitais e crédito para depois ir para a área de marketplace.

E nós acreditamos que a indústria de digital banking é a melhor para trazer um super app para o Brasil, porque tem dados, recorrência de acesso e estrutura de pagamento e crédito”.

Dados do Think With Google reforçam que há razões para o otimismo do CEO do Banco Inter. Na Black Friday 2019 haverá 3,5 milhões de novos compradores e 8 milhões de novos e-shoppers.

 

+++MP da Liberdade Econômica é promessa para alavancar a competitividade

 

Enquanto 57% dos e-shoppers brasileiros já realizaram compras dentro de aplicativos, 28% possuem o app dos seus varejistas preferidos instalados em seus smartphones. Além disso, consumidores que compram pelo app possuem um ticket médio 29% maior.

Na Black Friday 2018, 11% dos consumidores disseram que compraram usando benefício de cashback e o Google aposta no crescimento desse número na edição de 2019. Em intenção de compra, a categoria de serviços financeiros está entre as que mais crescem, com aumento de 200% na comparação com o ano passado.

Segundo o Google, os meios de pagamento digitais vão continuar a crescer e ganhar um papel central de desintermediar transações, reduzindo a fricção. 60% dos consumidores ouvidos na pesquisa declararam que preferem realizar compras online porque assim economizam tempo, deslocamento, custo de estacionamento e no próprio preço do produto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui